O árbrito :: Devocional

14.Abr :: Provérbios 20:10

Um dos assuntos mais polémicos no desporto são as arbitragens. A função de árbrito, como regulador do jogo, fazendo cumprir as regras estabelecidas, nem sempre é fácil. O julgamento rápido que deve fazer nas diferentes situações, bem como a tenção emocional que normalmente rodeia as competições, dificultam o seu trabalho.

Os adeptos, por seu lado, encontram muitas vezes maior consolação em acusar o árbrito de erros, do que em admitir que o adversário jogou melhor. E, acusam: “Está comprado!”; “Só vê para um lado!”; “Favoreceu uma equipa!”

Agir com justiça – isto é, com equidade, igualdade, rectamente – nem sempre é fácil. Mas, fazer acepção de pessoas, tratando coisas iguais de maneira diferente, sendo desonestos para proveito próprio, é de tal forma grave, que o texto diz que é abominação aos olhos de Deus, o justo Juíz.

  1. Tens tendência para tratar as pessoas de maneira diferente baseado em factores exteriores como, a beleza, condição social, prestígio, etc.?
  2. Porque é tão importante não fazer acepção de pessoas, a ponto de Deus considerar isso abominação?
Anúncios

Partilha os teus pensamentos:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s