Romance ao luar

Hoje ao regressar a casa vi um casal na sua caminhada nocturna. Que romântico! – pensei, enquanto consentia que eu devia fazer o mesmo ;). Quando me aproximei reparei que afinal não havia assim tanto romantismo. Ia cada um para o seu lado, de telemóvel em riste, a falar com outras pessoas. Juntos, e afinal tão distantes!

Aquela cena perturbou-me. Não posso fazer um juízo de valor sobre aquele casal que não conheço. Mas, sinto que naquele momento eram bem o espelho de muitos relacionamentos que fracassaram.

(…) mostra-me a tua face, faze-me ouvir a tua voz, porque a tua voz é doce, e a tua face graciosa.” (Cântico dos cânticos 2:14)

Falar é preciso. Nenhum relacionamento resiste sem comunicação. Hoje há tantas distracções – umas voluntárias, outras incontroláveis – que mal sobra tempo para abrir o nosso coração com a pessoa com quem partilhamos a vida. As conversas são impessoais, frias, banais.  Com isto os problemas acumulam-se, as feridas não curam, e o amor esfria.

A escolha maior num relacionamento é o amor. Escolhe amar. Escolhe amar todos os dias. Todas as horas. Escolhe amar mesmo quando estás cansado. Irritado. Magoado. Escolhe amar quando não há paixão. Quando tens dúvidas. Quando estás inseguro. Escolhe amar e entrega-te livremente a esse amor. Fala. Partilha. Acarinha. Confessa. Perdoa. Planeia. Celebra. Encoraja. Descansa. Chora. Ri.

No fim do dia, compreenderás o significado desta declaração:

O amor nunca falha.” (1Cor.13)

Anúncios

Partilha os teus pensamentos:

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s